Não fiz a prova de vida, meu benefício será suspenso?

Não fiz a prova de vida, meu benefício será suspenso?

A notícia de hoje é excelente para os beneficiários do INSS.  A autarquia prorrogou a suspensão da interrupção de bloqueio de benefício por falta da prova de vida.

Não entendeu ainda do que se trata? Confira este post e entenda!

Prova de vida, o que é?

A prova de vida é a medida exigida pelo INSS para conferir quais beneficiários ainda estão em condições de continuar recebendo o benefício.

Através da prova de vida, benefícios recebidos de forma fraudulenta, ou até mesmo pago a segurados que já faleceram serão cortados.

A intenção é cortar gastos com benefícios que não são devidos.

Todo ano os segurados se apresentam à agência bancária no qual recebem o benefício, portando um documento de identificação pessoal para fazer a prova de vida.

Em algumas agências o beneficiário pode fazer o teste de vida até mesmo por biometria no caixa eletrônico.

Prorrogação concedida pelo INSS

A boa notícia é que os segurados que não fizeram a prova de vida entre fevereiro do ano passado até fevereiro deste ano terão todo o mês de fevereiro de 2021 para atualizar essa situação.

Normalmente os benefícios seriam suspensos a partir de fevereiro, porém  o INSS publicou a Portaria 1.266 que concede um prazo maior para os segurados regularizarem essa situação.

Os beneficiários poderão fazer a prova de vida até o final de março sem prejuízo do seu benefício. A partir de abril, aqueles que não fizeram a prova de vida poderão ter o benefício suspenso.

Desta forma, se você está com essa pendência desde 2020, busque regularizar a sua situação.

Não abra mão dos seus direitos antes de conhecê-los, CLIQUE AQUI e solicite um atendimento com a nossa equipe especialista em causas previdenciárias.

Este artigo foi redigido por Laura Elisa Fernandes Porto Costa, OAB/MG 172.171.

Deixe seu comentário